Cuidados com a carne no verão

Gostou? compartilhe!

Cuidados com a carne no verão

No verão, as bactérias e vírus se multiplicam mais rápido por causa do calor e umidade. É preciso estar atento à origem e à conservação dos alimentos, principalmente das carnes.

 

É preciso observar as características dos alimentos. As carnes não podem ser consumidas se tiverem alteração na cor. Em relação a carnes congeladas, não devem ser compradas se tiverem moles com um uma camada de gelo, o que indica que foram descongelados e depois congelados novamente.

 

Especialmente no verão, o indicado é descongelar a carne na geladeira e não em temperatura ambiente. Se você precisa da carne para o almoço, retire-a do congelador ou freezer na noite anterior e coloque-a em um recipiente dentro da geladeira. Assim ela vai descongelar devagar, sem correr o risco de ser contaminada por bactérias e provocar uma intoxicação alimentar pois sua temperatura não estará elevada. Deve-se evitar o contato manual com carnes crus, facas e tábuas de corte em uso. Assim, evita-se o que chamamos de “contaminação cruzada”ou indireta.

 

A melhor forma de evitar contaminações é cozinhando ou assando muito bem a carne, assim a alta temperatura elimina a maior parte das bactérias e vírus que possam estar ainda no alimento. Contudo, até mesmo alimentos cozidos podem causar intoxicações. Por isso é preciso cozinhá-los bem e consumir o mais rápido possível.



Gostou? compartilhe!